Este post também está disponível em: enEnglish

A história do Homem da Caverna da África do Sul é realmente maluca e começa mais ou menos assim:

Era uma vez um trem que passava pela famosa Garden Route, uma estrada que percorre a costa da África do Sul. O trem era majoritariamente utilizado por turistas que queriam explorar essa rota cênica, com vistas deslumbrantes para o oceano.

Como era uma rota famosa, muitos hotéis e restaurantes se formaram na extensão do trilho, oferecendo mais lazer durante as paradas dos viajantes.

Há alguns anos, no entanto, a estrada N2 foi construída no mesmo trajeto. A estrada corria a apenas alguns metros acima do trem, causando deslizamentos de terra e pedras no trilho.

Resultado? O trem teve que fechar, os viajantes se foram e com eles, também alguns dos hotéis e restaurantes. E é assim que começa a história do Homem da Caverna da África do Sul.

Homem da Caverna

Entrada da caverna e seu morador que observa tudo à distância

A história do Homem da Caverna da África do Sul

Há nove anos, o Homem da Caverna (que naquela época ainda não o era) morava em um monastério. Sem conseguir se adaptar às rígidas normas do local, começou a pedir ao padre responsável para o deixar ir embora.

O padre, bem a contragosto, concordou, mas o Homem da Caverna não tinha para onde ir.

O que ele nos contou então, é que começou a rezar a Deus para encontrar uma casa. Deus falou com ele e deu as direções para onde deveria ir. Ele não obedeceu, e foi castigado com a morte de sua mãe.

Foi preciso que o Homem da Caverna tivesse mais uma visão, de um trilho de trem entre duas pontes, para que resolvesse finalmente ir atrás do tal lugar.

Homem da Caverna

Para quem vem de dentro do túnel: no final à direita, mora o Homem da Caverna

Ele se dirigiu até o local de sua visão, sem saber exatamente o que deveria procurar. Começou a caminhar pelos trilhos do trem desativado e foi quando encontrou um restaurante abandonado dentro de uma caverna.

O Homem da Caverna sul-africano, decidiu ocupar o antigo restaurante e montou sua casa dentro da caverna. O mais incrível é que a casa é linda. Ela tem decoração de conchas do mar, muitos móveis deixados pelos donos do restaurante e vários enfeites presenteados por visitantes que passam por ali.

Entrar na caverna é como adentrar um mundo dos Irmãos Green: muita cor, misticismo e um lado um pouco sinistro também…

Homem da Caverna

Um pouco de tudo na decoração da caverna

Hoje em dia o Homem da Caverna abriga pessoas que perderam tudo e não têm mais onde morar. Curiosos e viajantes também podem se hospedar com ele, só precisam deixar uma pequena doação, “qualquer coisa que venha do seu coração”, como ele mesmo diz.

Mas atenção, apenas cristãos são bem-vindos, já que segundo o Homem da Caverna, “não adianta ajudar pessoas que não estejam sob o reino de Deus e que, consequentemente, estejam sob o domínio do demônio”.

A história é ainda mais maluca, mas não dá para contar aqui sem comprometer a privacidade de alguns. A gente deixa para a sua imaginação ou para a sua vontade de visitar o local por conta própria e descobrir tudo isso.

Homem da Caverna

A varanda da caverna com vista para o mar

A vista da caverna

A caverna fica no meio da montanha, com vista para o o oceano. De tempos em tempos, o mar encontra com o rio que passa logo atrás, praticamente ilhando o local.

A região ainda é propícia para a procriação de tubarões e baleias e na temporada certa, você pode ver vários desses animais com suas crias.

Como chegar na Caverna

Homem da Caverna

Momentos antes de encontrar a casa do Homem da Caverna

Quem quiser conhecer o Homem da Caverna e sua casa, precisa ir para a cidade de Wilderness, na Garden Route, dirigir até a estação de trem abandonada de Wilderness e seguir o trilho do trem desativado a pé.

A gente adverte: vá preparado para a loucura.